Magia Rubro Negra


JOGOS INESQUECÍVEIS (10) – POR FÁBIO JUSTINO by @fabiojustino
22/10/2009, 17:50
Filed under: Colunas, Fla Memória, Videos

MAGIA RUBRO NEGRA - Jogos Inesqueciveis

Meu Mundo caiu…mas sou Penta
Por Ivan Trindade (Colaborador do Magia Rubro Negra)

 

GMA_4066
 
Já éramos campeões. Na verdade, com apenas 15 anos de vida, eu já era Pentacampeão Brasileiro de futebol.

Adolescente, ia a todos os jogos na Raça Rubro-Negra. Uma semana antes, vi o vovô garoto acabar com a cachorrada, até então tida como favorita ao título. Perdoai-os Pai, pois eles não sabem o que dizem. Vi ao vivo os dois dribles desmoralizantes de Junior em Renato “Já fanfarrão” Gaúcho. Vi os três gols que decidiram o campeonato, mesmo que fosse apenas o primeiro jogo. Vi o canil, do lado oposto, o lado errado, o lado da derrota, ficar vazio, mais vazio, até sumir. Não reapareceu até hoje.

Mas o jogo da minha vida aconteceu mesmo uma semana depois, no dia 19/07/1992, apenas quatro dias antes do meu 16º aniversário.

Você nunca sabe quando pode morrer, o que pode acontecer qualquer dia desses. Pois o domingo, 19, poderia ter sido um desses dias em que eu poderia ter morrido. O 422 (Cosme Velho-Grajaú) já foi um presságio de que a paixão e a certeza da conquista poderiam ser demais para um final feliz. Lotado, abarrotado, ameaçando virar a cada curva. Mas cheguei.
Aos 15 anos, quase 16, não queria segurança, mas desafio. Ia aos jogos no meio da Raça Rubro-Negra. Meu pai, cauteloso, foi de cadeira, mas por um acaso ficou bem embaixo da Raça.

Em grandes jogos, quem é Rubro-Negro, sabe que tem que dividir seu metro quadrado na arquibancada com pelo menos dois irmãos de fé. Mas aquele domingo havia ainda mais gente. Tomávamos mais de 85% do estádio.

Quando ouvi o tiro, se é que ouvi, se é que foi realmente um tiro, só deu tempo de olhar para cima e ver a onda de gente vindo para cima. Ia morrer. Soterrado em corpos dos meus próprios irmãos Rubro-Negros. Pelo menos uma perna quebrada, ou braço. Mas não. Nada aconteceu. Pelo menos comigo. Meu pai, lá embaixo, viu a chuva de gente e pensou que um daqueles pingos poderia ser seu filho, 16 anos incompletos, que ia sempre na Raça.

Foi ajudar no socorro. Olhou rosto por rosto para ver se reconhecia o rebento. Não achou e ficou mais tranqüilo. Num tempo ainda sem celulares, só soube ao certo mais de duas horas depois, quando consegui ligar para casa, já meio bêbado e totalmente Pentacampeão.

O meu Flamengo x Botafogo inesquecível teve morte, teve solidariedade, grito de gol e choro de Pentacampeão.

Não esqueço que quase morri.   

E você? Qual é o seu Flamengo x Botafogo inesquecível? Mandeu seu relato para fabio@magiarubronegra.com.br

MAGIA NELES!
EQUIPE Magia Rubro Negra
FALE COM A GENTEfabio@magiarubronegra.com.br

Anúncios

2 Comentários so far
Deixe um comentário

É de arrepiar! É de chorar… UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Comentário por Bruno Nin

É isso aê Japonês! Pra cima deles…

SRN,
fabio@magiarubronegra.com.br

Comentário por fabiojustino




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: