Magia Rubro Negra


GRAÇAS A DEUS FLAMENGO – POR NÍVEA RICHA by @fabiojustino
07/01/2010, 15:19
Filed under: Colunas

Resolvi escrever um pouco sobre a minha vida rubro-negra, como nasci Flamengo e como essa paixão cresceu e se tornou parte de mim, da minha vida.

Nasci em 1981, numa família de pai flamenguista, mãe vascaína e irmãos flamenguistas, ou seja, mesmo não precisando de nada para minha rubro-negrice aumentar, ainda tinha uma família de pressão, já que minha mãe nunca ligou para futebol e torce para o Fla quase sempre, pois não gosta de ver os filhos tristes com as derrotas. Ainda nasci em um ano de glória para o clube e cresci numa década de ouro. Ainda bem.

Minha primeira ida ao Maracanã foi na final do Brasileiro de 1987, no nosso tetracampeonato. Foi paixão à primeira vista. Tinha 6 anos, fui de cadeira, o estádio lotado e aprendi a cantar as primeiras músicas da torcida.

De lá para cá, sem dúvida, minha vida mudou. De 1993 para cá, passei a frequentar mais o estádio. Já passei por todos os setores: geral, cadeira, arquibancada branca, verde, amarela e cadeira especial (camarote ainda não tive o privilégio). Já passei por várias emoções também, correr para atrás da linha de corner na geral, para aparecer na Bandeirantes, ser pisoteada na arquibancada, ficar com a panturrilha roxa na antiga cadeira comum e curtir o conforto de uma cadeira especial. Cada lugar tem sua particularidade, mas todos têm a mesma emoção: estar no meio da maior torcida do mundo.

Passei por muitas alegrias: Tetra Brasileiro em 1987; Carioca de 2001, estava na arquibancada, atrás da baliza em que o Pet fez o gol; Pentatri carioca esse ano e muitos outros. Mas infelizmente, passei tristeza também, mesmo sendo poucas, uma marcante foi a perda da Copa do Brasil de 1997 para o Grêmio, em que um empate em 2×2 deu o título para o time gaúcho.

Ser Flamengo é isso, emoção desde que se vem ao mundo. 

Graças a Deus nasci Flamengo, sou Flamengo e morrerei Flamengo!

MAGIA NELES!
EQUIPE
Magia Rubro Negra
nivearicha@yahoo.com.br

Anúncios

7 Comentários so far
Deixe um comentário

Uma curiosidade: essa foto foi na final do carioca de 2009, no primeiro jogo. Nesse dia rolou conforto: cadeira especial. rsrsrrss

Comentário por Nívea

que legal a sua históroa nivinha.

Comentário por Fred Santos

Rubro negra, inteligente, colunista do Magia e lindona!

Vamos Flamengo!

Comentário por DeZico

torcer para o flamengo no maraca realmente deve ser algo inesquecível,nunca tive esse prazer mas não perco a esperança,ainda vou chegar lá,saudações rubro-negras,abraços.

Comentário por ronaldo derly rodrigues

Obrigado pelo texto. Felicidades aqui também com os nossos amigos do Magia.

Comentário por Warley Morbeck

nivinha é musa do magia rubro nrgra

Comentário por Fred Santos

Bela história,
Sempre que alguém fala sobre o título tri carioca de 2001, gosto de me gabar que foi exatamente no meu aniversário de 16 anos,em 27/05/01 com direito à reunião da família rubro-negra e carreata de fusquinha!
Saudações rubro-negras!

Comentário por Jamison




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: